Saia trompete

931275e92fddf8ae8f871b51b1f966bd

Desde o ano passado, tenho visto muito esse tipo de saia. Ela tem a pala, essa faixa em volta do quadril, bem larga, e um godê que começa um pouco abaixo do quadril. Ou uma saia lápis, ou reta, com o babado em volta na barra, esse babado pode simétrico ou não.

Resort

No resort 2015 de várias marcas, a saia trompete dominou. As coleções resort são desfilada entre maio e junho, e funcionam como meia-estação, ou seja, as peças apresentadas são usadas o ano inteiro. E mostram tendências de maneira mais simples de usar do que nos desfiles de verão e inverno. Issa, Mary Katrantzou, Roberto Cavalli e Prabal Gurung, fizeram suas versões. Issa e Cavalli mostraram como essa saia fica maravilhosa em um tecido brocado.

Saia lápis

O modelo saia lápis, dá até para usar no trabalho, se for na altura do joelho. O melhor são as lisas, sem estampa, no preto, ou branco, em ambientes mais formais. Caso seu trabalho seja mais livre, as estampadas, com tecidos diferentes, e até cores mais fortes, por serem mais compridas, e combinadas com camisas, ou blusas com tecidos mais finos, funcionam bem para trabalhar.

Saia mini

A mini saia é linda, e dependendo da modelagem, funciona em vários tipos de corpo. Quem tem quadril largo, escolha modelos que não tenham divisão da parte reta pra solta, não tenham esse corte horizontal na linha do quadril. Modelos escuros e com babados não tão largos, funcionam melhor. Para quem quadril fino, as estampadas são as melhores, cores claras, babados largos, modelos que ficam bem ajustados no quadril, e abrem nos babados, dão impressão de aumentar o quadril. Para as baixinhas, o melhor são as mini, ou os modelos com babados mais curtos, porque assim a silhueta não fica achatada.

Saia inverno

Agora com o inverno, que está demorando a chegar em São Paulo, essa saia fica linda com meia calça. Para alongar as pernas, use um modelo preto, com meia calça preta, o efeito é ótimo, e você fica quentinha. Com bota over-the-knee, também funciona, como essa saia é mais girlish, a bota deixa mais forte o look. Para não errar, coloque com um moletom diferente, esse com couro e a saia branca, ficaram lindos, vontade de usar já.

Mas independente do seu corpo, se você gostou de um modelo, serviu legal, não ficou apertado, não marca muita coisa, combina com várias coisas que você tem, e você se sente linda nele, vai na fé. Moda é para se sentir bem, se divertir.

Já vi esse modelo na Riachuelo, Renner, Zara, tem em várias lojas, preços, cores, só escolher a sua.

Fotos: Pinterest, Reprodução.

 

 

Anúncios

Cut Out Boots

balenciaga-cut-out-boots

Começou com a Balenciaga no Ready To-Wear Primavera 2011, as cut out boots da marca eram pesadas, recortes vazados nas laterais, salto trator, fivelas enormes, o modelo lembra um coturno. No streetstyle só se via as botas da Balenciaga. Chiara Ferragni, Kendall Jenner, Mary Kate Olsen, e muitas outras, usaram até cansar.

balenciaga

Algumas estações depois, muitas releituras ~cópias~ entre, as botas cut out estão presentes em quase todas as lojas nesse outono inverno. De C&A, Via Marte, Dummond, Capodarte, tem opções de várias cores, saltos, materiais, e preços. Ficam ótimas com calças jeans, saias, vestidos. Prefira a calça reta ou skinny, se quiser mostrar o cano da bota, a flare também fica ótima, mas esconde os detalhes da bota. O preto é a escolha mais segura para combinar com as botas,  assim como jeans, tanto com lavagens escuras e mais claras.

botas

O Dafiti está com uma ótima seleção de cut out boots de diversas marcas, mas para quem prefere comprar em lojas físicas, C&A, Zara, Mundial, existem boas opções com tamanhos diferentes de recortes, tanto nas laterais, ambos os lados, ou só um, como no calcanhar.

botas 2

1 – Dakota R$179,80 Dafiti; 2 – Via Marte R$219,90 Dafiti; 3 –  C&A R$149,90; 4 – Capodarte R$459,90 Dafiti

 

Fotos: Pinterest, Oficina Chic, Dafiti, Reprodução